Participação em Redes



Image
PORTUGALclusters

A Fórum Oceano pertence à rede PORTUGALclusters desde a sua formação, a 5 de março de 2014. Assinado por 16 Pólos e Clusters Nacionais reconhecidos em 2009 pela Autoridade de Gestão do COMPETE, o acordo tem como objetivo reunir os parceiros numa rede de cooperação, a fim de explorar as sinergias e projetos em áreas de interesse comum ligadas à inovação, internacionalização e competitividade das entidades das diferentes cadeias de valor. Visa também promover atividades de formação sobre clusterização e contribuir para a divulgação e relações internacionais dos polos e clusters portugueses e respetivos membros.


pdf   » Mais informações sobre a parceria PORTUGALclusters.

   » Saiba mais sobre a PORTUGALclusters.

 
Image
ENMC – European Network of Maritime Clusters

A Fórum Oceano pertence à rede europeia de Clusters Marítimos, uma confederação de clusters cujos objetivos são, entre outros, a partilha de boas práticas e a promoção dos interesses marítimos junto da Comissão Europeia.

 
   » Saiba mais sobre a ENMC.


 
Image
ECCP – European Cluster Collaboration Platform

A Fórum Oceano está presente nesta plataforma on-line, desenvolvida pela DG Enterprise & Industry, que integra clusters e outras organizações, permitindo o fomento do networking e a cooperação internacional em rede.


   » Saiba mais sobre a ECCP.


 
Image
MiTiN – Maritime Innovative Territories International Network
A Fórum Oceano pertence a esta rede internacional que integra diversos parceiros representantes de territórios marítimos, entre administração pública, instituições científicas e económicas.


   » Saiba mais sobre a MiTiN.

 
Image
RTA - Réseau Transnational Atlantique 
A Fórum Oceano faz parte desta plataforma de cooperação da sociedade civil do Espaço Atlântico, constituída oficialmente no dia 19 de setembro de 2003, e composta por Conselhos Económicos e Sociais (CES) das regiões do Espaço Atlântico europeu e, nos casos em que tais instituições não existem, por entidades ou organismos equivalentes.


   » Saiba mais sobre a RTA.